7º dia da novena em honra e louvor a padroeira Sant’Ana

(37) 3242-3641


festa santana 23 07 2017 3

Nesta noite de domingo, muitos fiéis foram prestigiar o 7º dia da novena em honra e louvor a padroeira Sant’Ana. Barraquinhas, shows e muita alegria fizeram parte da festa.

A celebração teve como tema “Maria, Mulher Eucarístia” e foi conduzida de forma belíssima pelo Monsenhor Pedro Godim Ferreira, administrador Paroquial da Paróquia São José Operário, em Divinópolis.

Monsenhor Pedro explicitou na sua homilia que a ligação entre Maria e a Eucaristia é um mistério de fé. A Eucaristia repete e atualiza a Anunciação, em que Cristo se fez presente para sempre: primeiramente no corpo de Maria, em seguida em uma nova anunciação mística, nas espécies do pão e do vinho. João Paulo II, na Exortação Apostólica Mane Nobiscum, Domine, chama Maria Santíssima de Mulher Eucarística. Na Encíclica De Ecclesiae Eucaristia, o mesmo Papa proclama Nossa Senhora Primeiro Sacrário da Humanidade. Na verdade, toda a vida da Virgem Maria aconteceu em função da Eucaristia. Ela gerou o Filho de Deus, presença divina no sacramento do altar. Ela foi a primeira a receber Jesus Cristo, vivo, presente, real, hoje continuado no sacramento eucarístico.

Maria Santíssima comungou o Cristo total, não apenas no mistério da Encarnação, mas em toda a sua vida. Recebeu Jesus, Palavra e Verdade, quando O acompanhava e bebia dos seus ensinamentos de Filho de Deus. Comungou o Cristo que sofre, quando se uniu a Ele no momento mais crucial de sua vida. Maria mostra-nos que devemos comungar o Cristo total. Às vezes, queremos receber apenas o Cristo da Eucaristia e esquecemos o Cristo do Evangelho, que questiona e nos pede mudanças, o Cristo do sofrimento e da angústia, real e presente na vida de nossos irmãos. Na intimidade e na simplicidade da vida de Nazaré, Maria recebeu e comungou também o Cristo silêncio e prece. Sem dúvida, na Última Ceia, a Mãe de Jesus O recebeu sacramentalmente, fechando todo o círculo da comunhão. Permanecendo sempre unida e fiel a seu Filho, em todos os momentos e circunstâncias, Maria é o modelo do comungante.

Que Ela nos eduque, nos ensine a ser um sacrário vivo e volte sempre seu olhar de ternura para nós. Assim seja!

Referências: Blog Formação Discípulos da Mãe de Deus

Texto: Cristina Freitas

Fotos: Cristiano Carvalho


Paróquia Sant'Ana de Itaúna
Diocese de Divinópolis

Praça Dr. Augusto Gonçalves, 344 - Centro
CEP.: 35.680-054 ITAÚNA-MG
Telefone: (37) 3242-3641
E-mail: contato@paroquiadesantana.com.br

Expediente Paroquial

Atendimento da Secretaria:
De Segunda-feira a Sexta-feira de 7:30h às 17h30

Atendimento dos Padres:
Quarta-feira e Quinta-feira: 8h30 às 10h | 14h às 16h